Momentos de Mensagens e Poesias

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

HÁ SE TODOS FOSSEM COMO OS OUTROS

Todos sabem o meu nome
todos conhece a minha história
todos viram o meu sofrimento
todos perceberam que EU chorei
Mais nem todos perceberam que Eu estou aqui.

Alguns não me ouviram
alguns criticam os meus servos, os meus amigos
alguns ouvem os outros, e não me escuta quando lhe chamo
alguns preferem viverem em seus próprios caminhos, sendo que, Eu sou o caminho,
a verdade e a vida.

Todos se lembram do natal
dos objetos natalinos, das configurações das mensagens,
das propagandas e que demandas.
Alguns por alguns instantes percebem, que Eu nasci.
Todos acreditam que ainda sou um menino
há outros que perceberam que eu cresci
há outros que viram o meu Espirito pairar sobre
as águas que lhes sufocam.
há outros que me conhecem e me têm como
a abelha têm o mel.

Há se todos fossem como os outros.

(Ivanderlan Siqueira)

Nenhum comentário:

Postar um comentário