Momentos de Mensagens e Poesias

quarta-feira, 25 de maio de 2011

A FALTA DE UM AMIGO

É como as ondas sem o imenso mar
O céu sem o azul
É mais uma história incompleta
É o sol sem brilho
E não aquece
Finge que esquece.

A falta de um amigo
É como meia lua
Escura
Sem brilho
Meia criatura
Sem estrutura
É uma dor
Dizem que passa
Mais quando vem
Arrasta-nos pra tanta saudade.

A falta de um amigo
Foi pro infinito
Só voltará
Em momentos
De lembranças do amigo.

Caramba!
Como dói perder um amigo.

(Ivanderlan Siqueira)

Um comentário:

  1. Ivanderlan,
    Parabéns pelos seus versos.Aquele que não tem talento,como eu,precisa ter a humildade para reconhecer e divulgar um belo trabalho.
    Retirei o video do microblog minha filha- http://pt-br.facebook.com/people/Lucieli-Dornelles/1664602459 -,gostei tanto que publiquei aqui,com os devidos créditos.

    ResponderExcluir