Momentos de Mensagens e Poesias

quarta-feira, 8 de maio de 2013

NA PALMA DE TUA MÃO EU...


Adormeci quando criança
Nas noites traiçoeiras
Alimentava me com a pureza
E a plenitude do teu olhar
De um olhar cuidadoso
Sem ao menos vacilar.

Na palma de tua mão
Ensinava me os primeiros passos
Um caminho
Uma direção
Tropeçava
Ali você estava
Era uma verdadeira guardiã.

Na palma de tua mão
Andei na linha do tempo
E se por um momento
Eu voltasse a ser criança
Escreveria um verso
Desenharia um coração
Uma frase na palma de tua mão
“ você deveria ser eterna”.

Na palma de tua mão
Eu acordei,
Vi um mundo diferente
E o meu maior presente
Estava aqui
Estava ali
Aqui está
É você mamãe.

Na palma de tua mão eu...

(Ivanderlan Siqueira)

Um comentário:

  1. Queria eu receber este poema de presente no dia das mães. Quem sou eu. Um simples mãe de filhos morando longe.
    Lindo seu poema. parabéns!!
    Beijos
    OBS: Você deveria tirar estas letrinhas de verificações. Atrapalham e não tem função.

    ResponderExcluir