Momentos de Mensagens e Poesias

sábado, 28 de setembro de 2013

O VELHO CASACO

Abri o guarda roupa,
Vi um casaco velho,
Já estava mofado
Pelo visto,
Já se passavam anos
Que o dono não o vestia
Não fui pelo tempo
Nem pela aparência
Tirei do guarda roupa
Vesti o casaco
Ficou enorme
Olhei em seus bolsos
Sem muita pressa
Um papel amassado
Com letras gastas pelo tempo
Curioso
Zeloso
Abri o papel
E vi uns dizeres assim.

“Senta aqui meu filho,
Tenho um aprecio pela tua presença,
Senta aqui menino
Tu és o meu fascino
Só Deus sabe o quanto posso suportar
A tua partida
Distante sem finda
Quando é que posso te encontrar”.

Tirei o velho casaco
E hoje o meu maior cansaço
É saber a onde eu posso te encontrar
Era o casaco do meu velho pai
Quando ainda era jovem
No altar vestiu pra casar
pra Deus lhe abençoar.

(Ivanderlan Siqueira)

Nenhum comentário:

Postar um comentário