O VELHO CORAÇÃO

No mundo somos um corpo
E no corpo somos um mundo
E a cada volta dada entorno do sol
Seguimos em uma nova estrada.

No conhecimento de uma verdade
Na certeza da medicina por uma descoberta
E nenhuma certeza nos oferece para secar
As lágrimas da ausência de um membro do nosso corpo.

No mundo somos um corpo
E no corpo somos um mundo
E a cada volta dada entorno do sol
Nasce uma nova história de amor e dor
A dor da saudade.

O velho coração
Velho amigo sorridente e calado
Seus batimentos cardíacos era a certeza
De mais uma nova história
De mais um dia em que as veias arteriais o circulavam
E se alegravam ao vê,
ao perceberem o quanto o velho coração
era amado e querido.

O velho coração
Com fibras musculares de força e garridas
Ensinava aos menores órgãos do corpo
Como encarar as dificuldades
Quão é valoroso o sentimento família

O coração é um órgão oco
Oco quando passa a ser pai, ao ser vô, ao ser amado
Por aquela que diante do altar da aliança
Depositou a sua fidelidade
E no intimo amar e ser amada pelo velho coração.

O velho coração
Era um órgão central que circulava
E se comunicava com os outros órgãos
E nos momentos importantes ali estava
O velho coração.

Com sua válvula de comunicação
Ensinava aos filhos dos filhos
aurículas e os ventrículos
das incertezas que o mundo como o corpo
nos mostra no dia a dia.

Velho coração
Revestido de uma membrana que lhe protegia
De dia e de noite, de manhã e à tarde.
Está membrana Pericárdio que das alturas
O fazia criatura, membrana criador do universo.

Velho coração
Já bombeou muitas vidas com sua presença
E na noite de um luar
Na espera do sol acordar
O velho coração parou de funcionar
Deixando órgãos imperfeitos
Veias entupidas
Artéria pulmonar sem oxigênio
Mente sem o conhecimento
Porque o coração parou de funcionar.

O velho coração
Em novo corpo se formará
Em um novo mundo viverá
Ao lado de quem sempre vai buscar
Órgãos bons para uma nova história iniciar.
Órgãos com sua estadia no corpo matéria
Fez seu trabalho, construiu uma casa, fez-se um lar.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ROUBA BANDEIRA