QUÃO BOM É O AMOR

quão bom é o amor,
nasce devagarinho;
É como um passarinho
e o seu ninho.

um galhinho aqui
outro ali,
quando menos se espera,
se forma o ninho do amor.

quão bom é o amor,
não tem pressa
é uma flecha que fura e não dói,
que dói e não se sente
a flecha do amor.

quão bom é o amor,
nasce e cresce aos olhos do criador.

(Ivanderlan Siqueira)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ROUBA BANDEIRA