No teu jeito de menina,
no teu jeito de mulher,
o poeta perde a rima,
o homem não sabe o que quer.

(Ivanderlan Siqueira)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ROUBA BANDEIRA