quando eu era menino
mamãe me dava a fruta da palma
era uma luta diária para saciar a fome
mas, 
era perfeito ser menino
não conhecia o ser humano
na sábia inocência
todos eram meus amigos
e hoje,
conhecendo por ser humano
nem a fruta da palma
saciaria a minha fome,
a falta de humildade.

(Ivanderlan Siqueira)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ROUBA BANDEIRA