enquanto escrevia uma carta,
sem destino,
sem anexo,
não saberia a quem enviar,
procurei endereços,
o meu coração não veio a se agradar;
quando menos esperei,
sem acreditar no destino,
perdido neste caminho,
encontrei o endereço que enviarei a carta,
o coração de um grande amor.

(Ivanderlan Siqueira)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ROUBA BANDEIRA