ABANDONAR UM AMOR

Por mais que seja difícil a vida,
e difícil seja a caminhada,
se o choro é mais forte que o sorriso,
se o abraço se tornou ausente,
por mais difícil que seja a vida,
nunca abandonar um amor.

Um amor que te ensinou a caminhar,
a lutar com suas próprias mãos,
em noites traiçoeiras foi tua guardiã,
um anjo da guarda,
a proteção,
intermediadora entre as angustias e a certeza.

Nunca abandonar um amor,
cabelos gastos pelo tempo,
e hoje o seu maior tormento,
é a solidão,
cuide,
de quem um dia te segurou pra não cair,
te carregou no colo por está cansado,
e secou tuas lágrimas,
pra te ver sorrir.

Nunca abandonar um amor,
que te fez o centro de suas atenções,
o astro do seu filme predileto,
por te deu a vida,
perdeu a mocidade.
e já de idade,
quer o teu carinho,
um pouco do teu amor.

Nunca abandonar este amor,
que te abrigava no mais puro,
e verdadeiro sentimento,
em um sentimento sem soberba,
sem interesse próprio,
vivia pra te,
esquecia de si,
por viver neste amor.

Nunca abandone este amor.

(Ivanderlan Siqueira)

(baseado em uma história real, de uma senhora abandonada pelos filhos)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ROUBA BANDEIRA