QUANDO EU CRESCI, FOI QUANDO TE PERDI


Foi quando acordei pela manhã,
O sol ficaria pra aquecer,
O que já era determinado
Com um ser dolorido,
Vi ao meu lado,
Alguém que amava sem poder se levantar.
Fingindo que sorria,
Para que eu também pudesse sorrir,
Olhar fixos,
Para que eu não perdesse a direção,
Com os pés nos chão,
Para que eu não deixasse de caminhar.
Vi um corpo sem alma,
Agora dois corpos sem vida,
Vi sonhos perdidos,
Só eu e a vida,
Ate acreditar,
Quando eu cresci foi quando te perdi.
Corri e não saia do lugar,
Andei por onde nunca andei,
Procurei o que não se achava,
Das lagrimas fiz o meu suor,
Pra quem viesse perguntar,
Quando eu cresci foi quando te perdi.
(Ivanderlan Siqueira)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ROUBA BANDEIRA